A História da Ciência como estratégia metodológica no ensino aprendizagem de Física

Autores

  • José Gidauto dos Santos Lima Junior Unifesspa - Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará
  • Narciso Neves Soares
  • Luiz Moreira Gomes
  • Fernanda C. L Ferreira

DOI:

https://doi.org/10.14808/sci.plena.2017.012721

Palavras-chave:

História da Ciência, Naturezada da Ciência, Ensino de Física, Teorias de Ensino, Pseudo-história

Resumo

A inserção da História da Ciência como estratégia metodológica na educação, principalmente no ensino aprendizagem de Física, vem sendo discutida nas últimas décadas por inúmeros pesquisadores. Embora, alguns acreditem que sua utilização possa apresentar certas limitações, há aqueles que defendem sua importância no ensino. Assim, considerando o âmbito das pesquisas sobre as potencialidades do uso da História da Ciência no ensino, torna-se relevante pesquisar sobre as contribuições de algumas Teorias de Aprendizagem nesse aspecto, uma vez que, talvez por desconhecimento ou por omissão, professores apresentam concepções sobre a natureza da ciência, e de princípios Físicos elementares de forma equivocada, distorcida, reforçada por mitos científicos abordados através de uma pseudo-história, comprometendo de forma efetiva o ensino. Nesse artigo alguns livros didáticos da Rede Pública de ensino foram analisados, ressalta-se que embora alguns desses livros apresentem os aspectos históricos e filosóficos de maneira adequada, a grande maioria apresenta elementos da Pseudo-história. Nesse aspecto, este artigo visa contribuir como uma ferramenta de suporte a prática docente quanto à inserção de elementos históricos por intermédio de conceitos Físicos através das aulas e auxiliados por um instrumento didático indispensável ao aprendizado, o livro.

Biografia do Autor

José Gidauto dos Santos Lima Junior, Unifesspa - Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará

Graduado em Matemática pela Universidade Federal do Pará em 2005, Graduado em Física pela mesma instituição em 2013 e Pós-Graduado em Sistemas Modernos de Telecomunicações pela Universidade Federal Fluminense em 2007, atualmente é aluno do MNPEF (Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física) da UNIFESSPA.

Downloads

Publicado

2017-01-13

Edição

Seção

I Workshop sobre pesquisas na Amazônia e I encontro do MNPEF da Unifesspa