A percepção dos monitores sobre o programa de monitoria do Ensino Superior do CEFET/RJ

Danila Tavares Amato, Augusto da Cunha Reis

Resumo


O Ensino Superior não se restringe à produção do conhecimento científico para a formação do profissional que atuará na sociedade, ele também se compromete com a formação humana. Desse modo, uma nova concepção de educação significativa propõe uma formação integral pautada no cidadão em suas diversas dimensões. Neste sentido, o Programa de Monitoria torna-se uma estratégia fundamental à aprendizagem significativa na medida em que possibilita a construção de saberes e a troca entre pares. Esta pesquisa é um estudo de caso sobre o Programa de Monitoria do CEFET/RJ e tem o objetivo de apresentar a percepção dos monitores do curso de Engenharia de Produção sobre o programa. Para o alcance de tal objetivo foi aplicado um questionário semiestruturado aos monitores participantes do programa em 2014. Os principais resultados indicam que, apesar de o programa proporcionar inúmeros benefícios à formação acadêmica e pessoal dos estudantes, a monitoria ainda não foi internalizada como uma cultura pelo corpo discente, o que exige da instituição uma política de divulgação mais ampla sobre o programa.


Palavras-chave


Programa de Monitoria; Ensino Superior; Excelência Acadêmica

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14808/sci.plena.2016.071302

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena

Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.