Reflexões sobre o perfil e concepções de alunos do curso de Licenciatura em Química sobre o uso das Novas Tecnologias de Informação e Comunicação (NTIC)

Autores

  • Marcos Paulo Fernandes de Almeida Departamento de Química /Laboratório de Ensino/CCET, Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão-Sergipe
  • João Paulo Mendonça Lima Departamento de Química /Laboratório de Ensino/CCET, Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão-Sergipe

Palavras-chave:

Ensino de Química, novas tecnologias, NTIC

Resumo

No presente trabalho analisamos o perfil e as concepções que discentes do curso de licenciatura em química expressam sobre: a utilização de novas tecnologias de informação e comunicação (NTIC) no ensino/aprendizagem de Química. A pesquisa foi feita no campus José Aloísio de Campos da Universidade Federal de Sergipe. Os sujeitos da pesquisa são 52 matriculados na disciplina Ferramentas Computacionais para o Ensino de Química, nos períodos letivos 2012/2 2013/2. Pudemos observar que ao procurarem informações sobre química, geralmente vão a sites de periódicos e buscas. 28,84 % já utilizaram softwares e simulações que continham conteúdos químicos. Enquanto que com relação à utilização das NTIC, os sujeitos mostraram-se favoráveis à utilização, desde que haja investimentos em infraestrutura e na formação dos docentes.

 

Downloads

Publicado

2014-09-03

Edição

Seção

Escola de Verão em Educação Química e Seminário Integrador do PIBID/Química