Reflexões sobre a formação inicial docente em química a partir de memórias de professores/as

Autores

  • Assicleide da Silva Brito Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão-SE, Brasil
  • Maria Batista Lima Departamento de Educação/Universidade Federal de Sergipe, Itabaiana-SE
  • Edinéia Tavares Lopes Departamento de Química/Universidade Federal de Sergipe,Itabaiana-SE

Palavras-chave:

Formação Inicial, Licenciatura em Química, Identidade Docente

Resumo

Este trabalho faz parte de um estudo mais amplo, que buscou compreender elementos da construção da identidade docente em Química. A partir dessas investigações, apresentam-se neste artigo algumas reflexões sobre os elementos presentes na trajetória de formação inicial desses/as professores/as para a construção de suas identidades profissionais. Tais reflexões contribuem para o aprofundamento das investigações sobre a formação de professores/as de Química, destacando a necessidade de debater essas compreensões nos cursos de licenciatura. O trabalho teve como referencial metodológico a pesquisa qualitativa, através do método história de vida de sete professores/as iniciantes na atuação docente em Química. Os principais elementos constituintes da identidade e formação docentes desses/as professores/as destacados foram a elaboração das atividades temáticas nas disciplinas de ensino de Química e, no período dos estágios, as atividades de extensão, as relações estabelecidas entre os/as professores/as desta etapa de formação, a participação de eventos científicos e projetos de pesquisa e extensão que proporcionaram aos professores/as a continuidade da sua formação

Downloads

Publicado

2014-09-02

Edição

Seção

Escola de Verão em Educação Química e Seminário Integrador do PIBID/Química