Avaliação qualitativa das preparações de cardápios de unidades de alimentação e nutrição hospitalares em Sergipe

Talita Silva Lima, Elma Regina Silva Silva Andrade Wartha, Anaxágora Conceição Souza, Izabela Maria Montezano de Carvalho

Resumo


O presente trabalho objetivou avaliar a qualidade nutricional dos cardápios ofertados a funcionários e acompanhantes de pacientes em Unidades de Alimentação e Nutrição Hospitalares, localizadas no estado de Sergipe. Foram analisados os cardápios de 7 Unidades de Alimentação e Nutrição Hospitalares localizadas em Sergipe, ofertados a funcionários e acompanhantes de pacientes, nos almoços do mês de novembro de 2017. Para a análise, utilizou-se o método da Avaliação Qualitativa das Preparações do Cardápio – AQPC. De acordo com o método APQC, a maior parte dos cardápios apresentaram ofertas regulares em relação à presença de fruta (42,9%), folhosos (85,7%), monotonia de cores (57,1%), alimentos ricos em enxofre (85,7%) e doces (42,9%). Já os critérios fritura, fritura associada a doces e conservas, apresentaram percentuais de ocorrência variando, predominantemente, entre bom e ótimo. Apesar dos resultados positivos, ofertas inadequadas ou próximas à inadequação foram observadas em algumas unidades, principalmente em relação à monotonia de cores, presença de alimentos ricos em enxofre, baixa oferta de frutas, ocorrência de conservas e doces, devendo estes, serem, objetos de atenção quanto ao planejamento dos cardápios, em função dos possíveis efeitos deletérios ao organismo.  Assim, cada Unidade deve buscar ajustar os diferentes aspectos que compõem os cardápios, sendo indispensável a atenção a todas as questões que envolvem uma alimentação saudável.

 


Palavras-chave


serviços de alimentação, planejamento de cardápios, análise qualitativa.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14808/sci.plena.2019.066501

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Talita Silva Lima, Elma Regina Silva Silva Andrade Wartha, Anaxágora Conceição Souza, Izabela Maria Montezano de Carvalho

Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.