Comportamento da remoção de matéria organica (DQO) e nitrogênio amoniacal em um reator de leito estruturado operado sob aeração intermitente

Camila Zoe Correa, Katia Valeria Marques Cardoso Prates, Camila Azevedo, Deize Dias Lopes, Eduardo Aparecido Rodrigues, Giselly Peterlini, Ana Claudia Barana

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar o comportamento da remoção de matéria orgânica (Demanda Química de Oxigênio – DQO) e nitrogênio (N-amoniacal) em um reator de leito estruturado e fluxo contínuo, operado com aeração intermitente (AI). O reator utilizado possuía volume útil de 9,4L, e foi preenchido com estruturas verticais de espuma de poliuretano. O sistema foi operado durante 38 dias sob aeração intermitente (4 h aerado (AE) e 2 h não aerado (AN)) com taxa de recirculação de 3 vezes a vazão de entrada. O Tempo de Detenção hidráulico (TDH) trabalhado foi de 16 h. Durante a operação do reator foram realizadas análises para determinação do pH, alcalinidade, temperatura, DQO, N-amoniacal, nitrito – N-NO2-, nitrato - N-NO3-, Nitrogênio Kjeldhl Total (NKT) e Sólidos em Suspensão Voláteis (SSV). No 380 dia foram realizadas análises durante 3 ciclos de AI, totalizando 18 h de obtenção de dados, sendo realizadas coletas de efluente de 1 em 1 h, para determinar o perfil do consumo de DQO e N--amoniacal. O reator atingiu eficiência média de 88% em termos de remoção de DQOT e 72% de remoção de NKT, durante os 38 dias de operação. Durante os ensaios do perfil foram encontradas remoçôes média de DQOT e N-amoniacal, na fase AE de 92±1% e 49±8%, respectivamente e na fase AN de 90±4% e 46±6%, respectivamente. Dos resultados foi possível concluir que a AI não afetou de forma significativa o percentual de remoção de DQOT e N-amoniacal no reator.


Palavras-chave


Aeração intermitente; Reator de leito estruturado; Espuma de poliuretano

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14808/sci.plena.2016.034201

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena
Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.