Cultura, Ciência e Teatro: uma tríade possível para o Ensino de Química

Cléber Thiers da Silva Nunes, Kelly Santana Lima, Marcelo Leite Santos, Erivanildo Lopes da Silva

Resumo


Levar ciência a diferentes indivíduos é uma tarefa que exige certa cautela, isto por conta dos costumes que cada indivíduo, comunidade local e sociedade possuem, muitas vezes pode vir a atrapalhar a compreensão de conceitos científicos e a aceitação destes. Partindo disto, cabe destacar a possibilidade de empregar as manifestações culturais como uma alternativa para apresentar e discutir ciência. No presente artigo é colocado em discussão o emprego do teatro de mamulengos como uma ferramenta que venha a proporcionar a disseminação da ciência, em contrapartida da utilização de situações que são vistas e retratadas no cotidiano das pessoas. O principal objetivo da atividade descrita é trazer ao público, em sua maioria oriunda de unidades de ensino oficiais, as noções de ciência que estão inseridas em seu contexto e, a partir disto, permitir que o indivíduo se torne capaz de discutir sobre o que lhe é apresentado, empregando saberes científicos atrelados a seus saberes populares, os quais caracterizam seu conjunto de costumes e crenças. Outro objetivo, este visto por ser uma consequência, é que o indivíduo que participa das apresentações do teatro de mamulengo leve aquilo que lhe fora apresentado a outros ambientes, como sua casa, comunidade e grupo de pessoas próximas, de modo que a ciência venha a se tornar um bem comum, compartilhada e divulgada a diferentes indivíduos.

 


Palavras-chave


cultura, divulgação científica, mamulengo

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena
Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.