Avaliação do perfil epidemiológico da dengue no município de Paripiranga, Bahia, Brasil

Autores

  • glebson Moura silva Universidade Federal de Sergipe
  • Adriana Maria Santos de Santana Andrade Faculdade Ages

Palavras-chave:

Dengue, Avaliação, Soroepidemiologia

Resumo

O presente estudo objetiva descrever o perfil soro-epidemiológico da Dengue no município de Paripiranga/BA. Trata-se de uma pesquisa descritiva e observacional de caráter quantitativo, realizada a partir dos dados coletados pela vigilância epidemiológica, em que foram avaliadas características individuais e soro-epidemiológicas dos casos de dengue notificados e confirmados no período de janeiro de 2008 a abril de 2012. Essa análise foi constituída por um conjunto de técnicas de manipulação de dados que permitem extrair da base de dados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação local, informações relevantes sobre o fenômeno em estudo. Das 512 fichas de notificação e investigação de casos suspeitos de dengue, 362 foram confirmados. Nos anos de 2008, 2009 e 2012, houve um aumento no número de casos. Em relação à classificação final, predominaram os casos de dengue clássica. Com a introdução do sorotipo 4 da dengue no município, há possibilidade do aumento de casos graves, em virtude de que no biênio 2008-2009, grande número de pessoas foi sensibilizado com sorotipo 2. A dengue apresentou um padrão sazonal com maior incidência no primeiro semestre de cada ano. A epidemia é um indicador claro que é preciso implementar um programa efetivo de combate ao vetor no espaço urbano. 

Biografia do Autor

glebson Moura silva, Universidade Federal de Sergipe

Departamento de Educação em Saúde

Adriana Maria Santos de Santana Andrade, Faculdade Ages

Departamento de Saúde

Downloads

Publicado

2014-09-27