Diversidade genética entre cajueiros comerciais

Ana Veruska Cruz Silva, Allivia Rouse Ferreira dos Santos, Evandro Neves Muniz, Ana Silva Lédo

Resumo


O cajueiro (Anacardium occidentale L.) é uma espécie frutífera de grande importância econômica, principalmente para alguns estados do Nordeste brasileiro. O objetivo do presente trabalho foi avaliar a diversidade genética entre oito cajueiros utilizados comercialmente por meio de marcadores RAPD. Os genótipos foram oriundos do Banco de Germoplasma do Centro Nacional de Pesquisa da Agroindústria Tropical (CNPAT/EMBRAPA) e avaliados quanto à diversidade genética. Utilizando 15 oligonucleotídeos na análise RAPD, houve a amplificação de todas as amostras, produzindo 174 bandas polimórficas. A similaridade genética de Jaccard variou entre 0.09 – 0.30. A maior distância genética foi observada entre ‘Embrapa 51’ e ‘CPP 06’. Foram encontradas correlações morfológicas entre os grupos formados pelo método UPGMA e ACoP. Os marcadores RAPD permitiram a discriminação dos cajueiros, sendo uma ferramenta útil para mensuração da diversidade, podendo os resultados ser utilizados em programas de melhoramento genético da espécie.


Palavras-chave


Anacardium occidentale L., Marcadores moleculares, variabilidade

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena

Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.