Alternativas de desenvolvimento sustentável no semiárido nordestino: da degradação à conservação

Robson S. Brasileiro

Resumo


A geografia colabora significativamente para melhor compreender a configuração espacial de muitos territórios; ajuda na análise da relação do ser humano com a natureza e das transformações efetivadas nas esferas ambiental, social e cultural; e procura manter uma relação interdisciplinar para melhor compreender os inúmeros fenômenos que ocorrem no seu domínio. Procurou-se realizar aqui uma análise geográfica dos processos de degradação que vêm ocorrendo no semiárido nordestino, a partir das práticas de desenvolvimento rural sustentável na região da caatinga que estão ajudando diversas famílias locais e que, ao mesmo tempo, estão servindo de alternativa para minimizar os impactos ambientais, como a desertificação que assola a região.

Palavras-chave


semiárido, caatinga, agroecologia, desertificação, desenvolvimento sustentável

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena

Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.