Estresse em profissionais da saúde de Hospitais e Unidades de Pronto Atendimento da rede pública de Saúde de Sergipe em tempo de pandemia de COVID-19

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14808/sci.plena.2021.077501

Palavras-chave:

Profissionais de saúde, estresse ocupacional, COVID-19

Resumo

O objetivo de trabalho foi avaliar o estresse dos profissionais de saúde (PS) e sua correlação com a percepção dos mesmos quanto aos fatores estressores no ambiente de trabalho - hospitais e unidades de pronto atendimento do sistema público de saúde de Sergipe, Brasil, durante a pandemia de COVID-19. Trata-se de um estudo transversal realizado por amostragem não probabilística com 58 PS, os quais responderam, com o auxílio de questionários próprios e também validados (Escala de Estresse no Trabalho), questões sociodemográficas, de estresse no trabalho e específicas sobre o COVID-19. Utilizando o modelo demanda-controle-suporte de avaliação de estresse, o trabalho foi classificado em passivo, ativo, baixo desgaste e alto desgaste, conforme a demanda do trabalho e o alcance da liberdade de decisão. As correlações entre cada questionário foram realizadas pelo coeficiente de correlação de Pearson através do software SPSS, e a estatística descritiva através do Excel. A maioria dos participantes estava sob alta demanda psicológica (93,10%) e se viram com alto controle (89,66%). Alguns fatores afetaram a percepção dos PS sobre o suporte/apoio social no trabalho, a saber, o conhecimento da equipe sobre o COVID-19, a disponibilidade de equipamentos de proteção individual e seu conforto físico durante o uso. Os PS estavam envolvidos em trabalho ativo e, embora não estejam no pior cenário de estresse psicológico, ainda estão sob grande desgaste psicológico, fato que reforça a necessidade de adoção de medidas eficazes para reduzi-lo.

Biografia do Autor

Aimée Obolari Durço, Universidade Federal de Sergipe

http://lattes.cnpq.br/0369331808806847

Diego Santos Souza, Universidade Federal de São Paulo

http://lattes.cnpq.br/5449047376916689

Isabella Barros Almeida, Universidade Federal de Sergipe

http://lattes.cnpq.br/4391359763275789

Lucas Sousa Sombrio, Universidade Federal de Santa Catarina

http://lattes.cnpq.br/7441362850837857

Márcio Roberto Viana Santos, Universidade Federal de Sergipe

http://lattes.cnpq.br/9692770802439503

Downloads

Publicado

2021-08-12

Edição

Seção

Artigos