Análise de parâmetros π-híbridos de um MOSFET com encapsulamento TO-220 sob feixes de raios X para diagnóstico médico

David Soares Monte, Luiz Antônio Pereira dos Santos

Resumo


Nas últimas décadas o MOSFET (Metal Oxide Semiconductor Field Effect Transistor) tem sido utilizado como detector de radiação ionizante, principalmente em aplicações dosimétricas em radioterapia. A base do método de funcionamento de tal dispositivo eletrônico em radioterapia consiste em mensurar a variação da tensão de limiar do MOSFET, pois este parâmetro elétrico é proporcional à dose de radiação ionizante depositada no dispositivo. O objetivo deste trabalho é apresentar um método inovador de medição da dose de radiação ionizante por meio da medição da variação de alguns parâmetros π-híbridos de um MOSFET. Foram analisados apenas transistores com encapsulamento TO-220 e dois tipos de polaridades distintas: canal n e canal p. Os dispositivos foram submetidos aos feixes de raios X cuja energia está na faixa aplicada ao diagnóstico médico. Os resultados mostraram que os parâmetros π-híbridos transcondutância e uma capacitância variam com a dose acumulada de radiação até o limite de 100 Gy.


Palavras-chave


MOSFET, parâmetro π-híbrido, raios X

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14808/sci.plena.2020.124801

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 David Soares Monte, Luiz Antônio Pereira dos Santos

Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.