Propriedades Magnéticas de Elétrons Itinerantes em Redes Triangulares

André Neves Ribeiro, Claudio Andrade Macedo

Resumo


A investigação das propriedades magnéticas de sistemas de elétrons itinerantes tem sido objeto de enormeinteresse da física estatística desde o surgimento da teoria quântica. Durante todo esse tempo houveimportantes progressos na compreensão de diversos sistemas, mas pouco esforço foi empregado naelucidação das propriedades específicas de sistemas em redes com estruturas triangulares que apresentamfrustração nas correlações antiferromagnéticas. Visando contribuir para o entendimento desses sistemas,aplicamos o método da equação de movimento da função de Green ao modelo de Hubbard para calcular adensidade de estados e as propriedades termodinâmicas magnéticas de um sistema paramagnético combanda meio-cheia nos casos de rede triangular e de rede cúbica de face centrada (fcc). Determinamos aenergia interna e a susceptibilidade magnética em função da temperatura (T) e da interação coulombianaintra-sítio (U). Os resultados mostram a forte dependência das grandezas examinadas com T e com o U.Particularmente, explicitamos a dependência da temperatura crítica (Tc) com U na transiçãoferromagnética-paramagnética, e o valor crítico da interação (Uc) a partir do qual o sistema podeapresentar ferromagnetismo.

Palavras-chave


propriedades magnéticas, modelo de Hubbard, redes triangulares

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena

Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.