Acúmulo de solutos orgânicos em mudas de Ceiba glaziovii (Kutze) Kum. em resposta à seca intermitente

José Laurindo dos Santos Junior, Maria Fernanda da Costa Oliveira, Elizamar Ciríaco da Silva

Resumo


Ceiba glaziovii (Kuntze) K. é uma espécie ocorrente na Caatinga de importância econômica e ecológica. Contudo, o conhecimento da sua fisiologia em resposta à períodos de seca, na fase inicial do desenvolvimento, não são bem conhecidas. O presente trabalho objetivou avaliar o teor relativo de água das folhas e o acúmulo de solutos orgânicos osmoticamente ativos em mudas de Ceiba glaziovii submetidas à seca intermitente. Para tal, mudas de um mês de idade de C. glaziovii foram submetidas à seca intermitente por ciclos de suspensão da irrigação [rega diária (C), irrigação a cada sete dias (E7), suspensão de rega até sinais de murcha como estresse severo (ES) e reirrigadas (RE), verificando a recuperação após 72 horas]. Avaliou-se a altura das plantas, o diâmetro do caule, teor relativo de água nas folhas, a concentração de prolina livre (PL), carboidratos (CS) e proteínas (PS) nas folhas e raízes. A seca intermitente exerceu pouco efeito sobre o TRA das mudas de C. glaziovii, porém afetou negativamente o crescimento delas. Não houve acúmulo de CS nas folhas, porém houve grande variação na concentração de PL e PS. Nas raízes das plantas E7 houve acúmulo significativo de CS, PL e PS, evidenciando o papel desses compostos no ajustamento osmótico no sistema radicular. A Ceiba glaziovii consegue manter valores adequados de água nos tecidos em situação de seca intermitente, durante o período inicial do desenvolvimento. A prolina se acumula nas folhas e raízes em resposta ao déficit hídrico moderado, sugerindo um papel importante para a sobrevivência da espécie.


Palavras-chave


déficit hídrico, prolina livre, barriguda

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14808/sci.plena.2020.011201

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 José Laurindo Santos Júnior, Maria Fernanda da Costa Oliveira, Elizamar Ciríaco Da Silva

Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.