Avaliação de desempenho de um conjunto motor e ventilador de um evaporador de NH3

Ivoni Carlos Acunha Junior, Marcelo Moraes Galarça, Marcos Muller Rebelato, Jonathan freitas Rodrigues, Fabio Luiz da Costa Carrir

Resumo


O consumo de energia das plantas frigoríficas, em geral, é o mais significativo nos processos de produção e armazenamento de alimentos refrigerados. Os motores dos ventiladores de evaporadores tem grande contribuição, tanto no consumo energético, quanto no acréscimo da taxa de calor nas câmaras frigoríficas. Técnicas como a utilização de inversores de frequência para acionamento destes motores tendem a atenuar estes impactos referentes ao consumo e calor gerado no interior de câmaras frigoríficas. Assim, este trabalho tem como objetivo avaliar o desempenho de um conjunto motor e ventilador de um evaporador de NH3 em duas condições de operação sob diferentes rotações, impostas por um inversor de frequência utilizado para acionamento. Os ensaios foram realizados com frequências de 20 a 60 Hz com incrementos de 5 Hz. As amostras foram obtidas a partir de medições de velocidade de ar, medições da variação de pressão provocada pelo feixe tubular e pelo aletamento do evaporador e medições do consumo de energia. O melhor desempenho do evaporador ocorre quando o mesmo opera com a vedação em suas frestas. A utilização de inversor de frequência promoveu uma redução significativa, de até 90% no consumo energético, do motor do ventilador operando na frequência de 20 Hz, em relação à condição nominal de operação de 60 Hz. Esta forma de operação acarretará em economia de energia nas ocasiões em que não houver demanda da capacidade máxima de refrigeração e na redução do calor gerado no interior das câmaras.


Palavras-chave


Evaporador de NH3, Ventilador, Velocidade Variável, Potência consumida

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14808/sci.plena.2018.093901

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Ivoni Carlos Acunha Junior, Marcelo Moraes Galarça, Marcos Muller Rebelato, Jonathan freitas Rodrigues, Fabio Luiz da Costa Carrir

Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.