As diferenças microclimáticas entre as tipologias de floresta urbana e os dados registrados pela estação meteorológica oficial

Autores

DOI:

https://doi.org/10.14808/sci.plena.2017.029904

Palavras-chave:

arborização urbana, clima urbano, remanescente flroestal

Resumo

As cidades precisam ser readequadas para proporcionar melhores condições ambientais a seus habitantes, incluindo conforto térmico. A presença de vegetação nas cidades é uma importante ferramenta para criar microclimas mais agradáveis. Assim, o objetivo desta pesquisa foi analisar as diferenças microclimáticas entre as tipologias de floresta urbana e os dados registrados pela estação meteorológica oficial de Curitiba-PR. Para isso foram selecionadas três áreas de diferentes tipologias de floresta urbana na cidade de Curitiba-PR: Remanescente Florestal, Área Verde Antiga, Área Verde Moderna, Arborização de Ruas e Árvore Isolada. A partir do método de pontos fixos foram coletados dados de temperatura e umidade relativa do ar para analisar o microclima de cada área. Os resultados indicam que a temperatura no Remanescente Florestal e Área Verde Moderna apresentaram médias inferiores às registradas pela estação oficial no verão. Nas demais tipologias a temperatura média foi maior do que na estação oficial. Observou-se também, que a diferença de temperatura entre as áreas foi mais acentuada durante a noite. Conclui-se que a determinação da diferença microclimática entre as tipologias de floresta urbana e os dados registrados pela estação oficial pode ser uma ferramenta de grande importância para o planejamento e gestão das florestas urbanas.

Downloads

Publicado

2017-06-09