A utilização de material lúdico acessível em uma escola da zona rural do município de Marabá, Pará, Brasil

Autores

  • Brenda Barros Pinto Universidade do Estado do Pará
  • Danielle Rodrigues Monteiro da Costa Universidade do Estado do Pará

DOI:

https://doi.org/10.14808/sci.plena.2016.069921

Palavras-chave:

Teoria da evolução, Materiais lúdicos, Ensino-aprendizagem.

Resumo

A utilização de materiais lúdicos no ensino em geral está conquistando um amplo espaço de atuação, pois anteriormente eram vistas como brincadeiras, modo de esgotar energia excedente dos alunos ou preenchimento de espaço vago durante as aulas. Com o desenvolvimento de metodologias utilizadas no ensino, os métodos lúdicos são aplicados como modo de fixar conteúdos propiciando aos alunos a interação social, raciocínio lógico e desenvolvendo o processo de ensino-aprendizagem dos mesmos de forma considerável. No ensino de ciências biológicas a utilização do método lúdico possibilita o desenvolvimento das aulas, tornando-as mais dinâmicas e interativas, fugindo da monotonia das aulas tradicionais. O presente trabalho foi realizado em uma escola situada na zona rural do município de Marabá/PA utilizando materiais lúdicos na disciplina de biologia sobre a teoria da evolução de Lamarck e Darwin, os resultados foram positivos sobre o processo de ensino-aprendizagem dos alunos, pois foi o primeiro contato de mais de 72% dos alunos do 7º ano “A” com materiais lúdicos em sala de aula.

Biografia do Autor

Brenda Barros Pinto, Universidade do Estado do Pará

Licenciada em Ciências Naturais-química

Danielle Rodrigues Monteiro da Costa, Universidade do Estado do Pará

Docente do Departamento de Ciências Naturais da UEPA

Downloads

Publicado

2016-05-27

Edição

Seção

Jornada de TCC do Campus XIX/UEPA