Infecção Parasitária e Perfil Sanitário de Plantel Caprino em Área Urbana de Sergipe

Camila Dantas Carvalho, Flavya Rosiany Oliveira Moreira, Katiane Santos Bezerra, João Vitor Coutinho Neves Guimarães, Juliana Cordeiro Cardoso, Alvaro Silva Lima, Veronica de Lourdes Sierpe Jeraldo, Cláudia Moura Melo

Resumo


O controle parasitário de nematódeos gastrintestinais é realizado basicamente com a utilização de diversos anti-helmínticos sintéticos. O objetivo deste estudo foi realizar avaliação parasitológica e identificação de fatores epidemiológicos correlacionados em rebanho caprino na região urbana de Aracaju/SE. Exames coproparasitológicos mensais foram realizados no período de agosto a novembro de 2009, em um grupo de 20 animais selecionados aleatoriamente de um plantel de 60 caprinos. Coletou-se aproximadamente de 5 a 10g de fezes diretamente da ampola retal de cada animal e de amostras do solo de cada local de confinamento. As amostras fecais foram analisadas através dos métodos de tamisação e flotação. Os resultados demonstraram presença de ovos e larvas de helmintos das super famílias Strongyloidae e Trichostrongylidae, mesmo sob esquemas de vermifugação, o que indica problemas no manejo sanitário e assistência técnica deficiente potencializando a proliferação de infecções e re-infecções.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena
Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.