Perspectivas dos bolsistas do PIBID/Química/UFS/São Cristóvão no processo de formação inicial de professores

Autores

  • Laís Menezes Universidade Federal de Sergipe
  • José Fernando Macedo
  • Edson José Santana
  • Lucas Santos
  • Wandson Santos
  • Genisson Barbosa
  • Maynara Menezes
  • Sigouveny Cruz
  • Yago Farias
  • Eliana Midori

Palavras-chave:

Prospects, initial formation, PIBID

Resumo

Este trabalho é parte de uma pesquisa sobre as perspectivas dos bolsistas do PIBID selecionados a partir do edital 2014/1 da Universidade Federal de Sergipe (UFS), Campus São Cristóvão. A reflexão aqui proposta buscou analisar o perfil dos mesmos e as expectativas em relação à participação no programa; o fator determinante que impulsionou o ingresso ao PIBID. Além de investigar as atividades que pretendem realizar ao longo da execução de seus respectivos projetos. Os resultados, mesmo que coletados “precocemente”, já evidenciaram pelos discursos dos bolsistas que o PIBID é uma política pública que chegou para somar, de forma positiva, possibilitando melhor qualificação na formação docente desses licenciandos, além de proporcionar futuras ações e experiências colaborativas no exercício do ser professor.

Biografia do Autor

Laís Menezes, Universidade Federal de Sergipe

http://lattes.cnpq.br/8824297111000984

Downloads

Publicado

2015-06-17

Edição

Seção

Escola de Verão em Educação Química e Seminário Integrador do PIBID/Química