Concepções alternativas sobre gases de ingressantes do curso de Licenciatura em Química da UFS/Campus São Cristóvão

Josenildo Cabral Silva, João Paulo Mendonça Lima, Kleber Bergamaski

Resumo


O presente trabalho apresenta a identificação e compreensão das concepções alternativas sobre gases dos estudantes ingressantes do curso de Licenciatura em Química da Universidade Federal de Sergipe, Campus São Cristóvão. Os sujeitos da pesquisa são aluno do 2º período do curso. A coleta de dados ocorreu através da aplicação de questionários nos períodos letivos 2013/2 e 2014/2. As principais concepções alternativas sobre gases foram: gases são elementos químicos da família 18 da tabela periódica; gás é toda reação química que envolve formação de gás; a expansão do gás é consequência do aumento do tamanho das partículas; a densidade do gás varia com a pressão, além de representações equivocadas e insuficiência no raciocínio ao explicar o fenômeno sobre expansão térmuica do ar. Entre as concepções alternativas identificadas destaca-se a concepção “gases são elementos químicos” com 58% dos estudantes expressando uma confusão com os gases nobres. Essas concepções podem estar relacionadas ao significado químico das palavras como partículas, átomo, elemento, moléculas e substâncias, assim como, a forma que o conteúdo dos gases foi visto no ensino médio.

Palavras-chave


concepções alternativas, gases, ensino de química

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena
Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.