Avaliação das características biométricas e da predação de estruturas reprodutivas de cabo-de-machado

Autores

  • Tarcísio Viana de Lima Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Ana Lícia Patriota Feliciano Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Luiz Carlos Marangon Universidade Federal Rural de Pernambuco
  • Adenilda Ribeiro de Moura Instituto Federal de Pernambuco

Palavras-chave:

apocynaceae, Lamprosema dorisalis Walker, Diaphania esmeralda Hampson

Resumo

O objetivo deste trabalho foi avaliar as características biométricas e a taxa de predação de frutos e sementes de Aspidosperma discolor A. DC, espécie da família Apocynaceae, com ocorrência na Mata Atlântica de terras baixas no Estado de Pernambuco. Para a realização das análises, foram coletadas estruturas reprodutivas em dois fragmentos de floresta Atlântica situados nas cidades de Recife e Camaragibe, respectivamente. Na avaliação determinou-se comprimento, largura, espessura, peso de massa fresca e número de sementes dos frutos e por quilograma; enquanto das sementes foram obtidos diâmetro, espessura, peso de massa fresca e percentagem de predação por insetos. Constatou-se que as médias do comprimento e espessura dos frutos e do diâmetro das sementes procedentes de Camaragibe foram estatisticamente maiores, pelo teste de Mann-Whitney a 5% de probabilidade. Já as médias das larguras dos frutos, das espessuras das sementes, dos pesos de massa fresca dos frutos e sementes e o número de sementes por fruto e por quilograma não apresentaram diferenças estatísticas entre as procedências. Observou-se elevada percentagem de estruturas reprodutivas predadas por larvas dos lepidópteros Lamprosema dorisalis Walker e Diaphania esmeralda Hampson, provenientes dos fragmentos estudados.

Biografia do Autor

Tarcísio Viana de Lima, Universidade Federal Rural de Pernambuco

Ana Lícia Patriota Feliciano, Universidade Federal Rural de Pernambuco

Departamento de Ciência Florestal, Área de Silvicultura

Luiz Carlos Marangon, Universidade Federal Rural de Pernambuco

Departamento de Ciência Florestal, Área de Silvicultura

Adenilda Ribeiro de Moura, Instituto Federal de Pernambuco

Educação à Distância, Diretoria de Ensino

Downloads

Publicado

2015-05-09

Edição

Seção

Artigos