Características sociodemográficas e comportamentais relacionados à gravidez na adolescência no município de Jeremoabo, Bahia, Brasil

Autores

  • ALLAN DANTAS SANTOS Universidade Federal de Sergipe
  • Maria Tânia Ribeiro Faculdades AGES/BA-Brasil
  • Márcio Bezerra Santos Departamento de Educação em Saúde, Universidade Federal de Sergipe

Palavras-chave:

sexualidade, fatores de risco, gravidez na adolescência

Resumo

O presente estudo tem o objetivo de descrever as características sociodemográficas e comportamentais relacionadas à gestação na adolescência em uma Unidade de Saúde da Família (USF) do município de Jeremoabo/BA. Trata-se de um estudo descritivo, exploratório, com abordagem quantitativa realizado em uma Unidade de Saúde da Família do referido município. A amostra, não probabilística intencional, correspondeu a 37 adolescentes gestantes e/ou mães adolescentes entre 10 e 19 anos de idade. A pesquisa foi aprovada pelo comitê de ética e pesquisa da Faculdade AGES/BA, com protocolo 009/2012. Os dados foram coletados através de uma entrevista individual com aplicação de um questionário semi-estruturado. Na análise dos dados foi utilizado o programa BioEstat (5.0). Constatou-se que a idade média da menarca foi 12,05 anos; sexarca 13,9 anos; primeira gestação aos 15,5 anos. Quanto aos aspectos socioeconômicos, 65% vivem com menos de um salário mínimo, 89% não têm trabalho remunerado, 73% tinham entre 6 e 12 anos de estudo, 92% interromperam os estudos após a gravidez e/ou quando tornaram-se mães. Quanto ao diálogo familiar, 54% informaram ter recebido orientações sobre sexualidade, entretanto, 60% relataram que as orientações eram apenas para evitar a gravidez. Somando-se os motivos que levaram as adolescentes a engravidar, 54% referiram o desejo de ter um filho. Sugere-se uma parceria entre família, escola e serviços de saúde que venha a oferecer estratégias de ações eficientes quanto aos aspectos que permeiam a sexualidade na adolescência, proporcionando subsídios teóricos necessários para conhecimento de seus direitos reprodutivos e de sua saúde integral.

Biografia do Autor

ALLAN DANTAS SANTOS, Universidade Federal de Sergipe

Doutorando em Ciências da Saúde

Prof. Me. do Departamento de Enfermagem (DENF), Universidade Federal de Sergipe

Maria Tânia Ribeiro, Faculdades AGES/BA-Brasil

Enfermeira Assistencial da Estratégia Saúde da Família

Márcio Bezerra Santos, Departamento de Educação em Saúde, Universidade Federal de Sergipe

Prof. Me do Departamento de Educação em Saúde da Universidade Federal de Sergipe

Downloads

Publicado

2015-01-09