Construção de um índice-padrão e análise da performance financeira das empresas de capital aberto que atuam no setor de exploração de Rodovias

Lenise Rodrigues da Silva, José André Villas Boas Mello, Nilson Correa Gonze, Rômulo Dante Orrico Filho

Resumo


O trabalho pretende estabelecer comparação econômico-financeira entre empresas que tenham classificação setorial de Construção e Transporte / Transporte / Exploração de Rodovias, através de índices de liquidez, rentabilidade e endividamento, e do modelo preditivo proposto por kanitz para estabelecer um índice-padrão que pudesse comparar o desempenho de cada empresa do setor com as demais organizações que atuam no mesmo setor econômico. A pesquisa é descritiva, de abordagem exploratória e documental, por realizar uma releitura dos dados contábeis das 19 empresas de capital aberto listadas na BM&FBovespa. Os principais insumos foram os balanços patrimoniais e as demonstrações de resultados do exercício de 2013, a partir dos quais foram calculados os indicadores financeiros de liquidez, endividamento e lucratividade, ordenados de forma crescente para sua classificação decimal, a partir de conceitos abordados na literatura. Além disso, foi apresentado uma classificação referente a previsibilidade de solvência individual e setorial da amostra a partir da utilização do fator de insolvência de Kanitz. A análise dos resultados indica, de forma geral, uma situação financeira favorável para a maioria das empresas quando considerados o seu setor de atuação.


Palavras-chave


BM&FBovespa; Kanitz; Financeira; Rodovias.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena
Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.