Cinética de adsorção de Cr(VI) de soluções aquosas usando sementes de acerola

Autores

  • Jéssica Cristian Teles Resende Universidade Federal de Sergipe
  • Denner Déda A. Nunes Universidade Federal de Sergipe
  • Erivaldo N. Reis Universidade Federal de Sergipe
  • Edilson Jesus Santos Universidade Federal de Sergipe
  • Cristina Ferraz Universidade Federal de Serfipe
  • Rogério Luz Pagano Universidade Federal de Sergipe
  • Antônio Santos Silva Universidade Federal de Sergipe
  • Danilo Conceição Silva Universidade Federal de Sergipe

Palavras-chave:

cromo hexavalente, sementes de acerola, adsorção

Resumo

Este trabalho teve como objetivo avaliar o potencial de utilização de sementes de acerola (Malpighia emarginata) na remoção de Cr(VI) de soluções aquosas. Na obtenção do biossorvente foi utilizado tratamento térmico à temperatura de 170 °C, sendo posteriormente triturado e classificado granulometricamente. A determinação de Cr(VI) foi feita por  espectrofotometria UV-visível através da complexação com 1,5-difenilcarbazida, medindo a absorbância no comprimento de onda de 540 nm. Os experimentos foram realizados a 25 ± 1°C, variando o tempo de contato de 10 a 140 minutos, o pH 2, 5, 7 e 8 e a massa de adsorvente de 0,1 a 0,6 gramas. A remoção média de Cr(VI) foi de 66% utilizando 0,1 g de biossorvente, pH 2 no tempo de equilíbrio de 120 min. A adsorção de Cr(VI) seguiu o modelo cinético de segunda ordem.

Biografia do Autor

Jéssica Cristian Teles Resende, Universidade Federal de Sergipe

Departamento de Engenharia Química. Processos Químicos

Denner Déda A. Nunes, Universidade Federal de Sergipe

Departamento de Engenharia Química. Processos Químicos

Erivaldo N. Reis, Universidade Federal de Sergipe

Departamento de Engenharia Química. Processos Químicos

Edilson Jesus Santos, Universidade Federal de Sergipe

Departamento de Engenharia Química. Processos Químicos e otimização

Cristina Ferraz, Universidade Federal de Serfipe

Departamento de Engenharia Química

Rogério Luz Pagano, Universidade Federal de Sergipe

Departamento de Engenharia Química. Modelagem e Simulação de processos químicos

Antônio Santos Silva, Universidade Federal de Sergipe

Departamento de Matemática. Modelagem matemática

Danilo Conceição Silva, Universidade Federal de Sergipe

Departamento de Engenharia Química

Downloads

Publicado

2014-10-08