Deltas de Maré Vazante e Erosão Costeira na Atalaia Velha e no Mosqueiro, Aracaju (SE) no período de 1965 a 2008

Autores

  • Taís Kalil Rodrigues Universidade Federal da Bahia
  • Luciana Vieira de Jesus Universidade Federal de Sergipe
  • Manuela Gavazza da Silva Universidade Federal de Sergipe
  • Dyego Anderson Silva Pereira Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísitica
  • Elaine Silvia dos Santos Feitosa Universidade Federal de Sergipe
  • Ana Cláudia da Silva Andrade Universidade Federal de Sergipe
  • José Maria Landim Dominguez Universidade Federal da Bahia
  • Ana Amélia de Oliveira Lavenére-Wanderley Universidade Estadual de Santa Cruz

Palavras-chave:

linha de costa, progradação, desembocaduras fluviais

Resumo

As linhas de costa associadas às desembocaduras fluviais são ambientes altamente instáveis devido à forte influência das ondas, marés, correntes, descargas fluviais e, principalmente, da dinâmica dos deltas de maré vazante. Este trabalho tem como objetivo identificar os mecanismos responsáveis pelas modificações ocorridas na configuração da linha de costa nas praias da Atalaia Velha e do Mosqueiro, localizadas no município de Aracaju, Sergipe. A metodologia consistiu no mapeamento multitemporal da linha de costa e do delta de maré vazante no ArcGis© 9.3.1. Para o mapeamento da linha de costa, foram utilizados mapas históricos de 1894, 1914, 1927, 1946; fotografias aéreas de 1965, 1971 e 1984; e imagens de satélite Quickbird de 2003 e 2008. A partir da análise dos mapas históricos foi possível caracterizar o processo de evolução dos bancos arenosos e as mudanças morfológicas na linha de costa da desembocadura do rio Sergipe. A análise multitemporal mostrou que no período de 1965 a 2003, ocorreu progradação, e no período de 2003 a 2008 ocorreu erosão da linha de costa nas praias da Atalaia Velha. No Mosqueiro, ocorreu progradação da linha de costa no período de 1965 a 1984 e erosão no período subsequente, de 1984 a 2008. Este trabalho serve de subsídios para o planejamento urbano e ambiental da área investigada.

Biografia do Autor

Taís Kalil Rodrigues, Universidade Federal da Bahia

Estudante de Doutorado em Geologia pela UFBA.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/4255819810282447

 

Luciana Vieira de Jesus, Universidade Federal de Sergipe

Geóloga e estudante de mestrado em Geociências e Análise de Bacias/UFS

Lattes: http://lattes.cnpq.br/7585621753780268

Manuela Gavazza da Silva, Universidade Federal de Sergipe

Mestrado em Geociências e Análise de Bacias.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/4833026911067091

Dyego Anderson Silva Pereira, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísitica

Geógrafo pela UFS.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/4762745769385142

Elaine Silvia dos Santos Feitosa, Universidade Federal de Sergipe

Geóloga pela Universidade Federal de Sergipe.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/7639397374533568

Ana Cláudia da Silva Andrade, Universidade Federal de Sergipe

Professora Associada I do Departamento de Geologia/UFS

Lattes: http://lattes.cnpq.br/3578862822115921

José Maria Landim Dominguez, Universidade Federal da Bahia

Professor Titular da Universidade Federal da Bahia.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/0345959348124698

Ana Amélia de Oliveira Lavenére-Wanderley, Universidade Estadual de Santa Cruz

Professora Assistente/UESC.

Lattes: http://lattes.cnpq.br/0145284452930616

Downloads

Publicado

2015-01-09