A influência da escola nos processos identitários de estudantes do Programa Educação de Jovens e Adultos (EJA): O caso de uma Escola Pública da Periferia de Aracaju-Se

Guilherme Fernandes Melo dos Santos

Resumo


-Quem é você? – As respostas que surgem a este questionamento, tão corrente nos dias atuais, são os elementos que vão formar o núcleo básico do que se pode conceituar a partir da terminologia “Identidade”. A partir de uma perspectiva socioconstrutivista, é possível destacar o papel dos espaços de socialização na formulação e dimensionamento das respostas às indagações identitárias. Nesse cenário, a escola desempenha um papel fundamental na produção de discursos e representações, aos quais os indivíduos se identificam. No nosso estudo, as respostas dos estudantes do EJA do Colégio Olavo Bilac à nossa indagação inicial foram muito diversas, até mesmo, por referir-se a alguma coisa que é fundada em elementos bastante subjetivos e íntimos. Porém, cabe o destaque para a prevalência de menções à escola/educação, nas autoconceituações por parte dos entrevistados.


Palavras-chave


Identidade; Escola; Educação

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena

Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.