Levantamento fitossociológico em pastagens no município de Denise, MT

Miriam Hiroko Inoue, Eduardo André Ferreira, Ronei Ben, Kassio Ferreira Mendes, Elielton Germano dos Santos, Rivanildo Dallacort

Resumo


O presente estudo teve por objetivo identificar e quantificar a flora infestante em áreas de pastagens localizadas no município de Denise, MT. O levantamento foi realizado em 10 propriedades, onde amostrou-se em cada uma delas 10 parcelas de 25 m2, totalizando 2500 m2. Foi realizada a contagem e a identificação das espécies invasoras, sendo analisados valores de densidade, frequência, abundância, densidade relativa, frequência relativa, abundância relativa e índice de valor de importância (IVI). Nas 100 amostras foram identificados 3.669 indivíduos, distribuídos em 15 famílias e 28 espécies. As famílias mais importantes em número de espécies foram Malvaceae (6), Asteraceae (4) e Fabaceae (4). A família Malvaceae foi a mais importante em número de indivíduos, representando 20,49% do total de plantas daninhas encontradas. Andropogon bicornis foi a espécie que apresentou os maiores valores em relação à densidadee densidade relativa. Em relação à frequência e frequência relativa, a espécie Sida carpinifolia foi que mais se destacou, sendo que, para abundância e abundância relativa, Richardia scabra foi a espécie de maior importância. As espécies que apresentaram maiores valores de IVI nas propriedades foram Andropogon bicornis (38,70), Sida carpinifolia (34,72), Mimosa wedelliana (29,79) e Richardia scabra (27,19).

Palavras-chave


fitossociologia; índice de valor de importância; forragens

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Scientia Plena
Licença Creative Commons
Todo conteúdo deste periódico, salvo quando explicitado de forma diferente, está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.