Crescimento, qualidade de raízes e atividade da redutase do nitrato em plantas de rabanete submetidas a doses de potássio e fontes de nitrogênio

Autores

  • Poliana Prates de Souza Soares Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Naasoom Luiz Santos Mesquita Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Jean Ribeiro Almeida Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Ranyelly Leão Coutrim Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Paulo Araquém Ramos Cairo Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Leandro Dias Silva Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia http://orcid.org/0000-0001-6336-247X

DOI:

https://doi.org/10.14808/sci.plena.2020.060205

Palavras-chave:

amônio, nitrato, Raphanus sativus L., redutase do nitrato

Resumo

Nitrogênio e potássio são os nutrientes mais extraídos e exportados pela cultura do rabanete, sendo imprescindíveis para a produtividade e qualidade das raízes produzidas. Desta forma, o presente estudo foi desenvolvido com o objetivo de avaliar alterações no crescimento de plantas e qualidade de raízes de rabanete em função de doses de potássio e fontes de nitrogênio. O experimento foi conduzido em delineamento inteiramente casualizado, com tratamentos arranjados em esquema fatorial 4 x 2, sendo quatro doses de potássio (K), 0, 70, 140 e 210 kg ha-1 de K2O e duas fontes de nitrogênio (N), sulfato de amônio e nitrato de cálcio, com quatro repetições. As plantas foram avaliadas quanto ao crescimento, rendimento, qualidade bioquímica das raízes e atividade da redutase do nitrato nas folhas. Os tratamentos não influenciaram as características de crescimento e rendimento: massa fresca de folhas, massa seca de folhas, área foliar total, comprimento e diâmetro de raiz.  A adubação potássica aumentou o conteúdo de vitamina C nas raízes de rabanete e a atividade da redutase do nitrato nas folhas, principalmente quando a fonte de N utilizada foi o nitrato de cálcio. O maior valor de índice SPAD foi obtido na dose de 51 kg ha-1 de K2O. A utilização do sulfato de amônio propiciou maior teor de sólidos solúveis nas raízes.

Biografia do Autor

Poliana Prates de Souza Soares, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Programa de Pós-Graduação em Agronomia

Naasoom Luiz Santos Mesquita, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Programa de Pós-Graduação em Agronomia

Jean Ribeiro Almeida, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Programa de Pós-Graduação em Agronomia

Ranyelly Leão Coutrim, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Programa de Pós-Graduação em Agronomia

Paulo Araquém Ramos Cairo, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Programa de Pós-Graduação em Agronomia

Leandro Dias Silva, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Programa de Pós-Graduação em Agronomia

http://lattes.cnpq.br/5332743667630869

Downloads

Publicado

2020-07-28

Edição

Seção

Artigos